top of page
  • Foto do escritorHurlan Jesus

Lançamento de livro "encanta público no Sesc Estação Saudade

Produzido por 51 autores, o livro, "Ponta Grossa, Qual a Sua Saudade?", reúne memórias e saudades de lugares, momentos e sabores da cidade

A antologia "Ponta Grossa, Qual a Sua Saudade?" é um verdadeiro mosaico de memórias, abrangendo 58 lugares diferentes. Foto: Divulgação

Em um emocionante evento realizado no último domingo (17), o Sesc Estação Saudade tornou-se o palco do lançamento da antologia "Ponta Grossa, Qual a Sua Saudade?". O livro, que reúne memórias e saudades de lugares, momentos e sabores da cidade, foi recebido com entusiasmo por um público ansioso para celebrar as lembranças e a cultura de Ponta Grossa.


O cerimonial do evento, repleto de poesia e nostalgia, contou com a presença do Secretário Municipal de Cultura de Ponta Grossa, Alberto Scharam Portugal, o Patrono-mor da Academia de Letras do Centro do Paraná, José Altevir Mereth Barbosa da Cunha, e a Presidente da Centro Cultural Professor Faris Michaele, Renata Regis Florisbelo, entre outros convidados de honra.


A cerimônia começou com as palavras da escritora Dione Navarro, que destacou o saudosismo como uma característica intrínseca dos habitantes da cidade. Ela descreveu a saudade como "um silêncio que acaricia a alma para que a nostalgia se vista de ontem e faça seu cortejo no agora". Navarro explicou como a ideia de criar a antologia surgiu durante a pandemia de 2020, quando o isolamento social despertou a necessidade de lembrar e compartilhar histórias da cidade.


A antologia "Ponta Grossa, Qual a Sua Saudade?" é um verdadeiro mosaico de memórias, abrangendo 58 lugares diferentes, desde cenários naturais como o Parque Vila Velha e o Buraco do Padre, até praças, bairros e estabelecimentos icônicos como a Padaria Glória e a Pastelaria Primor. A editora CriativaMente assumiu a tarefa de dar forma a essas memórias, criando um livro que captura a essência da saudade ponta-grossense.


Renata Regis Florisbelo, uma das autoras do livro, fez uma emocionante apresentação da antologia e dos 51 autores que contribuíram para sua realização. Ela destacou a importância de preservar as histórias e as saudades que fazem parte da identidade da cidade.


O evento também contou com a presença do escritor José Altevir Mereth Barbosa da Cunha, autor do prefácio da obra, que trouxe seu acervo poético de décadas sobre o sentimento da saudade.


A professora aposentada, Netinha de Figueiredo, aos 96 anos de idade, emocionou a todos com sua presença e suas palavras carregadas de saudade. Com um toque de bom humor, Netinha expressou a intensidade das saudades apresentadas no livro e compartilhou sua satisfação por estar presente na obra. Suas palavras ressoaram no coração de todos os presentes, lembrando a importância de preservar as memórias que moldaram a cidade ao longo dos anos.


O Secretário Municipal de Cultura, Alberto Schranmm Portugal, elogiou a iniciativa da Academia Ponta-grossense de Letras e Artes (APLA) e destacou a importância de preservar as tradições culturais da cidade.


A cerimônia foi marcada por apresentações musicais que encantaram os presentes, incluindo o Grupo de Chorinho do Conservatório Maestro Paulino, Silvestre Alves e Melissa Kalva. O evento também homenageou Regina e Odenir Follador, membros ativos da APLA que contribuíram para a antologia e que partiram em 2021.


Encerrando a cerimônia, Dione Navarro, presidente da APLA, agradeceu a todos os presentes e destacou a importância de preservar as memórias e as saudades que tornam Ponta Grossa uma cidade única.


A antologia "Ponta Grossa, Qual a Sua Saudade?" é um presente especial para a cidade em seu bicentenário e representa a riqueza das histórias e lembranças que moldaram a identidade de Ponta Grossa ao longo dos anos.

Fotos: Divulgação

Comments


bottom of page