top of page
  • Foto do escritorRedação

Doutorando da UEPG apresenta pesquisa na Alemanha

Valter Paes, durante seu período na Suíça participou de discussões e protocolos experimentais envolvendo sua pesquisa

Doutorando da UEPG, Valter Paes, apresenta pesquisa na Alemanha. Foto: Divulgação


O doutorando Valter Paes de Almeida, do programa de pós-graduação em Ciências Farmacêuticas da Universidade Estadual de Ponta Grossa, foi palestrante durante o 8º Simpósio do Visco, na cidade de Nonnweiler, Alemanha. O trabalho apresentado é fruto da parceria entre a professora Jane Manfron, representante da UEPG; professora Carla Holandino, representante da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); e professor Stephan Baumgartner, representante da Universidade de Berna, na Suíça, que existe desde 2016.


A parceria possibilitou que o doutorando da UEPG, orientado da professora Jane Manfron, realizasse um intercâmbio científico na cidade de Arlesheim, na Suíça, nos laboratórios e instalações da Society for Cancer Research (VFK) e da Iscador AG, entre outubro e novembro de 2023.


Além de apresentar seu trabalho intitulado “Morpho-anatomical detailed study of leaves, stems, berries and seeds of Viscum album L. subspecies album growing on Malus domestica” (tradução: Estudo morfoanatômico detalhado de folhas, caules, frutos e sementes de Viscum album L. subespécie album crescendo em Malus domestica), Valter Paes de Almeida utilizou o Viscum album, uma planta europeia de grande tradição para o tratamento do câncer como seu objeto de pesquisa. O trabalho foi publicado na revista Journal of Integrative and Complementary Medicine. “Os espécimes coletados foram fixados e processados a partir de diferentes marchas fitoquímicas e histoquímicas e serão a semente de futuros projetos colaborativos”, conta Valter, que durante seu período na Suíça participou de discussões e protocolos experimentais envolvendo sua pesquisa.


Para a professora Jane, que atualmente está realizando seu pós-doutorado na Universidade do Mississippi (Estados Unidos) e é orientadora de Valter, os trabalhos desenvolvidos por meio de parcerias internacionais contribuem muito para o engrandecimento da pesquisa realizada na UEPG, além de gerar repercussão nacional e internacional.


Valter ressalta que conhecer a realidade da pesquisa feita em países de primeiro mundo e poder realizar seu trabalho conhecendo o habitat natural do seu objeto de estudo foi inesquecível. “As atividades de internacionalização têm sido cada vez mais valorizadas pelas agências de fomento e oferecem aos estudantes de graduação e pós-graduação oportunidades que agregam valores acadêmico-científicos inovadores”.


A professora Carla Holandino conta que foi uma honra muito grande receber Valter e destaca que, apenas com duas semanas de intercâmbio, o doutorando da UEPG “foi capaz de impressionar a todos com sua simplicidade, dedicação e competência”. Valter é o quinto estudante brasileiro que teve a oportunidade de participar em projetos internacionais com instituições acadêmicas privadas da Suíça, nos últimos seis anos. Para Carla, “os estudantes brasileiros sempre retornam ao Brasil com suas perspectivas renovadas e com a certeza de que a pesquisa nacional também apresenta destaque no cenário acadêmico internacional”.


A professora Jane afirma que a parceria internacional foi decisiva para que o estudo de Valter fosse publicado. “Muito me alegra ver nossos alunos participando ativamente de eventos internacionais, na qualidade de apresentadores de trabalho, podendo ter essa experiência importante para a vida acadêmica e também podendo mostrar a pesquisa de qualidade desenvolvida na UEPG”. Você pode encontrar o material apresentado pelo doutorando da UEPG no 8º Simpósio do Visco aqui.


Da Assessoria

Comments


bottom of page