top of page
  • Foto do escritorIzabelle Antunes

Artistas circenses de PG recebem prêmio de acessibilidade

O prêmio foi concedido pela Fundação Nacional de Arte

Artistas circenses de Ponta Grossa recebem prêmio de acessibilidade. Foto: Divulgação


A Escola de Circo Família Salgueiro foi contemplada com o prêmio nacional de Apoio às Famílias Circenses e Artes nas Localidades, promovido pela Fundação Nacional de Arte (Funarte) na categoria acessibilidade, pelo trabalho realizado para pessoas com deficiência através de espetáculos no estado do Paraná.

Robert Salgueiro, conhecido como Palhaço Picolé, responsável projeto, comenta o significado desta conquista “Esse prêmio é um reconhecimento aos 8 anos de trabalho voltado a pessoa com deficiência com muita dedicação, muito amor, muito carinho, sempre promovendo a inclusão social, a arte circense, dando oportunidades as pessoas com deficiência mostrados seu potencial, que podemos quebrar barreiras, impostas pela sociedade, que a gente pode alcançar tudo aquilo que a gente sonha. Os projetos que nós realizamos são voltados em dar oportunidades, promover a inclusa social e a alegria também” destaca


Projeto de inclusão

As apresentações neste ano, tiveram início em abril, com a proposta de levar uma divertida apresentação sobre a magia do circo para portadores de necessidades especiais, pensando na integração e valorização deste público. Passando por 20 municípios do estado, se apresentando em instituições que atendem pessoas com deficiência.


“Nós buscamos tornar as pessoas que estão assistindo ao espetáculo, protagonistas do próprio show, dando a oportunidade de que se tornem mágicos, malabaristas, acrobatas. Eles têm essa experiência de compartilhar a vida deles conosco e nós compartilhamos a arte circense com eles” destaca Robert Salgueiro.


Sobre o prêmio

O prêmio é destinado às famílias circenses, conjunto de pessoas físicas ou pessoa jurídica com grau de parentesco e vínculos de afinidade e afetividade entre artistas circenses que realizam atividades artísticas e culturais, com finalidade de promoção de atividades formativas, espetáculos, shows e/ou apresentações de linguagem circense por mais de uma década e/ou três ou mais gerações em caráter fixo ou itinerante.

O resultado esperado com esta seleção pública é identificar, valorizar e dar visibilidade a produção artística e cultural circense, contribuindo para ampliar a sua produção, difusão e sustentabilidade econômica e social.

Comentarios


bottom of page