top of page
  • Foto do escritorRedação

Projeto Baú das Artes encerra formação das escolas municipais de Castro

Durante o evento foram compartilhados trabalhos já realizados pelas escolas

Projeto Baú das Artes encerra formação das escolas municipais de Castro. Foto: Divulgação



Na manhã de sexta-feira (27) a Escola Municipal Dr Jahyr Lopes recebeu o evento de culminância do projeto Baú das Artes, realizado para celebrar o fechamento do período de formação das escolas participantes: Escola Professora Dalila Ayres, Dr Jahyr Lopes, Santo Lazarini da Silva e Marilda Fonseca Fadel.


Participaram do encontro professores e coordenadores das escolas integrantes do projeto, a secretária de Educação Rejane de Paula Nocera, secretário de Governo, Álvaro Telles Filho e Eduarda Farias de Castro, representante da empresa Evonik - patrocinadora do Projeto no município.


Durante o evento foram compartilhados trabalhos já realizados pelas escolas, e, já que o projeto alia literatura e arte, para valorizar o que já foi realizado na escola e os talentos da rede, também se apresentaram o músico e professor Adolfo Kava e o coral Sementinhas de Amor, da Escola Dr Jahyr Lopes.


De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, mesmo tendo encerrado a formação, as escolas devem continuar com a aplicação dos projetos do Baú. Ao todo são 48 projetos, prontos para serem desenvolvidos com os alunos.


Sobre o projeto

A iniciativa do projeto Baú das Artes é da Evoluir e em Castro tem o patrocínio da empresa Evonik Industries. A escolha das escolas que receberam o projeto foi baseada, sobretudo, na sua localização, pela proximidade com a empresa patrocinadora. Cada uma delas recebeu um móvel com acervo cultural, composto por materiais como fantoches, itens de higiene e jardinagem, sobre esporte e alimentação, instrumentos musicais, materiais para desenhar, pintar e colorir, jogos educativos e livros, que possibilitam aos educadores a condução de atividades lúdicas.


O projeto também foi pensado para permitir o desenvolvimento de atividades voltadas para as macroáreas temáticas (Cidadania e Civismo, Ciência e Tecnologia, Economia, Meio Ambiente, Multiculturalismo e Saúde) da Base Nacional Comum Curricular (BNCC). De acordo com os idealizadores, o Baú das Artes visa o acesso e a democratização de atividades educativas e lúdicas para crianças que têm entre 6 e 10 anos de idade, para que tenham a oportunidade de experimentar variadas linguagens artísticas que favoreçam a percepção coletiva, o autoconhecimento e estímulo à expressão, por meio das artes.


Depois de receberem formação, capacitação e acompanhamento pedagógico - os professores, representantes das escolas, reaplicaram as atividades em sala de aula, durante os últimos três meses.

Fotos: Divulgação


Da Assessoria

Comments


bottom of page