top of page
  • Foto do escritorHurlan Jesus

Ponta Grossa se despede de Helcio Kovaleski

Atualizado: 6 de jun. de 2023

Sua dedicação e engajamento foram evidentes em projetos marcantes, como o Fenata (Festival Nacional de Teatro) e o FUC (Festival Universitário da Canção), que se tornaram marcos na valorização da produção teatral regional

Além de sua carreira como jornalista, Helcio também deixou sua marca no cenário cultural paranaense. Foto: UEPG


A cidade de Ponta Grossa está de luto pela perda de Helcio Luiz Wendler Kovaleski, renomado jornalista, roteirista e dramaturgo. Helcio faleceu no início da tarde desta segunda-feira (05), deixando um legado significativo para a cultura local e um vazio na comunidade artística.


Helcio Kovaleski, conhecido por sua paixão pelas artes cênicas, desempenhou um papel crucial na promoção da cultura em Ponta Grossa. Sua dedicação e engajamento foram evidentes em projetos marcantes, como o Fenata (Festival Nacional de Teatro) e o FUC (Festival Universitário da Canção), que se tornaram marcos na valorização da produção teatral regional.


Além de seu trabalho como jornalista, Kovaleski era aluno do curso de Comunicação Social (Jornalismo) na Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG). Sua contribuição para a cultura local foi marcante, tendo atuado como conselheiro municipal de Política Cultural de Ponta Grossa na área de Teatro por quatro gestões consecutivas, e como conselheiro estadual de Cultura na Macrorregião Campos Gerais durante o biênio 2017-2019. Seu envolvimento nas artes abrangia várias áreas, incluindo atuação, direção, produção, dramaturgia e crítica teatral, cinematográfica e televisiva. Em 2014, ele lançou um livro que se tornou uma referência na crítica teatral paranaense, abordando o Fenata e sua importância para o cenário artístico.


Helcio Kovaleski deixa uma filha, Beatriz Ferreira Kovaleski, e sua ausência será profundamente sentida por todos que admiravam seu trabalho e compartilhavam de sua visão de fortalecer a cultura em Ponta Grossa. Seu legado inspirará futuras gerações a valorizarem e promoverem as artes na região.


Seu corpo está sendo velado na Capela da Funerária Princesa, e o sepultamento está marcado para amanhã (6), no Cemitério Santo Antônio, às 16h. As circunstâncias trágicas de sua morte foram confirmadas pelo Corpo de Bombeiros (Vítima de parada cardiorrespiratória), deixando familiares, amigos e colegas consternados com a perda de um profissional talentoso e dedicado.


Neste momento de dor, sua partida deixa uma lacuna na cena cultural, mas seu espírito e contribuições permanecerão vivos e continuarão a influenciar a cultura local por muitos anos.


Que Helcio Kovaleski descanse em paz, sabendo que seu trabalho incansável e sua dedicação foram fundamentais para enriquecer a cena cultural de Ponta Grossa. Sua memória será lembrada e celebrada como um exemplo a ser seguido.

Comentários


bottom of page