top of page
  • Foto do escritorRedação

Cultura de PG promove a I Mostra de Culturas Religiosas

O evento reunirá representantes de diversas religiões que se fazem presentes no município

A maior parte da programação acontece no Cine-Teatro Ópera, mas também estão previstas ações no Parque Ambiental, Lago de Olarias, Museu da Catedral e Acervo de Obras de Arte. Foto: Reprodução


A Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Cultura, em parceria com a URI-PG (United Religions Initiative) promove, dos dias 24 a 27 deste mês (segunda a quinta), a ‘I Mostra de Culturas Religiosas - Fé e Devoção’. O evento reunirá representantes de diversas religiões que se fazem presentes no município. A atividade faz parte da programação de comemorações dos 200 anos de Ponta Grossa.


“Como gestão, temos incentivado e buscado maneiras de promover o conhecimento, o respeito e a tolerância, sobre as mais diversas manifestações de fé. Tenho certeza que essa Mostra será o espaço ideal para avançarmos ainda mais neste trabalho, permitindo a troca de experiências e a formação de uma cidade cada vez mais unida pela fé e pelo respeito às mais diversas crenças”, declara a prefeita Elizabeth Schmidt.


Conforme explica o secretário municipal de Cultura, Alberto Portugal, a Mostra está inserida no eixo ‘Culturas da Paz’ da programação de 200 anos de Ponta Grossa. “Temos como objetivo promover a difusão das culturas religiosas. Nesse sentido, esse pode ser um momento muito especial, onde buscamos a integração de tais expressões sob a luz da cultura”, destaca.


A maior parte da programação acontece no Cine-Teatro Ópera, mas também estão previstas ações no Parque Ambiental, Lago de Olarias, Museu da Catedral e Acervo de Obras de Arte. O evento inicia na segunda-feira (24), às 19h30, com uma ‘Conversa com lideranças religiosas sobre temas diversos’. A atividade, que é aberta ao público, vai envolver representantes religiosos de diferentes denominações, que vão apresentar a visão de suas religiões em temas diversos. Participam lideranças das seguintes denominações: Catolicismo, Protestantismo, Xamanismo, Umbanda, Candomblé, Hinduísmo, Islamismo, Espiritismo Kardecista e Budismo.


A programação continua na terça-feira (25) com uma ‘Noite Gospel’ também prevista para iniciar às 19h30. Serão feitas apresentações de dança, música e teatro de igrejas e grupos cristãos evangélicos. No mesmo dia, às 20 horas, acontece a exposição ‘Senhora Sant’Ana’, no Acervo de Obras de Arte da Secretaria Municipal de Cultura, que fica anexo ao Centro de Cultura. Trata-se de uma mostra coletiva de artistas visuais ponta-grossenses com temática voltada para a padroeira da cidade.


No dia 26, as atividades começam à tarde. Das 14 às 17 horas acontece, no Parque Ambiental, uma homenagem a Nanã Boruquê promovida pelo movimento ‘Cheiro de Axé' e pelo Codicap. No sincretismo religioso, ela representa Sant’Ana. Haverá cantigas e roda de samba.

A partir das 16 horas, será realizado o assentamento do Ojubó em consagração de Nanã, no Lago de Olarias, ação das denominações afro-brasileiras. A partir das 19h30, no Ópera, será aberta a exposição ‘Nossos Símbolos’, com objetos, livros e símbolos de variadas religiões.

Apresentações Culturais

Nos dias 26 e 27, com início às 19h30, no Cine-Teatro Ópera, apresentações culturais vão abrilhantar o evento. Na primeira noite, estão previstos o Ballet da Faculdade Santana, grupo Casa Cantante, Samara (Cenas de Teatro do Budismo), Babá Erivaldo - Tambores de Candomblé, Xamanismo: oração Ananta, Grupo Musical Focolares, Umbanda Pai Rafael e Sorriso Negro.


No dia 27 se apresentam o Coral Sociedade Espírita Francisco de Assis, Renovação Carismática, Comunidade Santa Rita, Umbanda - Pai Bruno Grube, Grupo Shalom, Pai Alan – Quimbanda, Grupo do Hinduísmo, Pai Douglas – Candomblé e Grupo Litúrgico, juntamente com o Bispo Dom Sérgio Arthur Braschi.


Também na quinta-feira, pela manhã e à tarde, acontecem visitas guiadas ao Museu da Diocese, na Catedral Sant’Ana. As atividades serão concluídas à noite. Depois das apresentações culturais, está previsto um grande congraçamento de todos os participantes que subirão ao palco para uma apresentação em comum.


Não será cobrado ingresso, mas pode ser levado um item para doação, que pode ser um quilo de alimento, um agasalho ou item para higiene pessoal.

Foto: Divulgação

Da Assessoria


Commentaires


bottom of page