top of page
  • Foto do escritorRedação

Cantor John Lima vai gravar música após ser finalista em festival

O cantor de Ponta Grossa foi um dos sete finalistas do festival nacional VEM

John Lima recebeu o convite para fazer a gravação da música “Apaixonado por Jesus”. Foto: Divulgação

Com quase meio milhão de participações na votação popular, a edição de 2023 do festival Voz, Evangelização e Música – VEM bateu novo recorde de alcance. Foram registrados na contagem do site oficial, ao longo de uma semana, um total de 438.176 votos nas sete composições que concorreram à final do festival. Assim, a dupla de jovens Mateus e Raíssa garantiu o prêmio da votação popular, atingindo a marca de 38% da preferência do público, ou seja, com 166.047 votos, interpretando a canção “Diálogo”, escrita pelo seminarista Carlos Henrique Mattos, coordenador do Setor de Juventude da Diocese de Jundiaí (SP).


Participantes que chegaram à semifinal também receberão incentivos para projeção das carreiras artísticas, como o paranaense John Lima, da cidade de Ponta Grossa, que recebeu o convite para fazer a gravação “Apaixonado por Jesus” em parceria com o apresentador do VEM e ex-participante do programa The Voice Brasil, Danilo Dyba. A versão terá a pegada de sertanejo católico, que foi criada pelo músico profissional e arranjador Ricardinho Lopes, para a final do VEM. “Está na hora da música católica ter uma renovação. E fico honrado de estar participando desse processo. Acho que este festival é o embrião de algo muito grande que vai acontecer pra igreja nos próximos anos”, avalia o arranjador.

A segunda premiação anunciada na noite da grande final do VEM, no último sábado (26) em Curitiba (PR), foi a de “Melhor Intérprete”, troféu conquistado nesta edição pelo músico católico de Sorriso (MT), ThyLima, de 33 anos de idade. Ele interpretou a canção autoral “Estou Contigo” e a notícia da vitória foi muito comemorada por uma torcida de sua cidade, que, apesar da distância e da diferença no fuso horário, acompanhou a transmissão da final do VEM 2023 em tempo real, por meio de um telão montado em praça pública.


A “Melhor Composição” da terceira edição do VEM foi o último prêmio da noite, anunciado pelo fundador da Obra Evangelizar, Padre Reginaldo Manzotti, e entregue à jovem professora de música Camila Fragoso, de 21 anos, moradora da cidade de Fraiburgo (SC). “Nós temos um compromisso muito importante com a música católica no mundo, temos algo a oferecer para a sociedade, como profetas em notas e sons. Fiquei impressionado com a letra dessa canção e com a forma simples e profunda com que as palavras foram colocadas nela”, disse Manzotti.


A voz potente e precisa na interpretação dos versos pela Camila também chamou a atenção tanto dos especialistas quanto da plateia do festival em geral, desde as apresentações ao vivo da etapa semifinal. A escolha dos vencedores da “Melhor Composição” e “Melhor Interpretação” ficou a cargo dos jurados: o Padre Diogo Albuquerque, a cantora e apresentadora Adriana Arydes e o cantor e compositor Fred Pacheco.


A “Melhor Composição” da terceira edição do VEM foi o último prêmio da noite, anunciado pelo fundador da Obra Evangelizar, Padre Reginaldo Manzotti, e entregue à jovem professora de música Camila Fragoso, de 21 anos, moradora da cidade de Fraiburgo (SC). “Nós temos um compromisso muito importante com a música católica no mundo, temos algo a oferecer para a sociedade, como profetas em notas e sons. Fiquei impressionado com a letra dessa canção e com a forma simples e profunda com que as palavras foram colocadas nela”, disse Manzotti.


A voz potente e precisa na interpretação dos versos pela Camila também chamou a atenção tanto dos especialistas quanto da plateia do festival em geral, desde as apresentações ao vivo da etapa semifinal. A escolha dos vencedores da “Melhor Composição” e “Melhor Interpretação” ficou a cargo dos jurados: o Padre Diogo Albuquerque, a cantora e apresentadora Adriana Arydes e o cantor e compositor Fred Pacheco.


Com a participação de artistas da música católica a partir de 18 anos e média de idade de 28 anos entre os inscritos, o VEM 2023 teve forte presença de talentos da juventude católica, que ganham projeção a partir do festival, independentemente da premiação. “O legado do VEM 2023 inclui a entrega para o público, que assistiu, percebeu o nível e a qualidade da produção musical católica. Nosso desafio a partir de agora é inspirar novas composições, novas histórias e a realização de novos sonhos para aquelas pessoas que têm projetos guardados na gaveta. Na avaliação dos próprios participantes, o que vivemos foi um retiro espiritual em forma de festival. Independentemente de quem conquistou premiação ou não, foi essa a experiência que a gente sempre quis criar: que eles viessem aqui, vivessem esse momento, tivessem essa imersão de convivência, de aprendizado e de crescimento espiritual”, diz o coordenador de produção do VEM 2023, Jefferson Genta.


Confira a relação dos premiados no VEM 2023:

Melhor Composição | Camila Fragoso | Fraiburgo (SC) Música: “Meu Lugar”

Melhor Intérprete | ThyLima | Sorriso (MT) Música: “Estou Contigo”

Voto Popular | Mateus e Raíssa | Jundiaí (SP) Música: “Diálogo”, composição do seminarista Carlos Henrique Mattos.


Da Assessoria

Comments


bottom of page