top of page
  • Foto do escritorRedação

MON registra maior visitação em um mês da sua história

O número de julho bateu o recorde de março de 2022, o maior até então, com 46,8 mil visitantes

Com 47,5 mil pessoas em julho, MON registra maior visitação em um mês da sua história Foto: Eduardo Macarios

O número de visitantes do Museu Oscar Niemeyer (MON) em julho foi o maior da sua história em um mês: 47,5 mil pessoas. Em julho, em duas quartas-feiras consecutivas (dias 12 e 19), o museu registrou recordes diários de público, com 4,8 mil e 5 mil visitantes, respectivamente.


O número de julho bateu o recorde de março de 2022, o maior até então, com 46,8 mil visitantes. No ano passado, o MON também bateu recorde de visitação em um ano, com um público superior a 400 mil pessoas, o que significa a média de pouco mais de 33 mil visitantes mensais.


O movimento do mês passado é também o maior dos sete primeiros meses de 2023, superando janeiro, que reuniu 33.610 pessoas. Outra marca é que o setor Educativo do MON recebeu mais de 1,8 mil participantes nas atividades oferecidas pelo “Férias no MON”. Durante o mês de julho, foram oferecidas várias oficinas, mediações e ações diversas para crianças e familiares. Nas atividades de férias de janeiro deste ano, foram atendidas aproximadamente mil pessoas.


Além das atividades específicas durante as férias escolares em julho, o MON oferece seis novas mostras, inéditas, inauguradas recentemente, o que faz com que os mais de 15 espaços expositivos do Museu estejam ocupados simultaneamente. Vale lembrar ainda que, nas quartas-feiras, o MON tem sempre entrada gratuita para todos os públicos.


Mostras

As exposições atualmente em cartaz são: "Buraco no Céu", de Túlio Pinto; "Pintura Vingad", de Delson Uchôa; "Sou Patrono"; "Perpétuo Movimento", de Norma Grinberg; "África: Diálogos com o Contemporâneo"; "Ásia: a Terra, os Homens, os Deuses – Colonialismo"; "Sonoridades", de Bispo do Rosário; "Tela", de Leila Pugnaloni; "O Mundo Mágico dos Ningyos"; "Serguei Eisenstein"; e "Mundo e Poty, Entre Dois Mundos", além do Pátio das Esculturas, Espaço Niemeyer e MON Sem Paredes.


Por AEN

Comments


bottom of page