• Amanda Stefaniak

Evento retrata a luta do povo negro

Projeto foi aprovado pelo Edital de Cultura de difusão Artística Popular de Ponta Grossa

Projeto foi aprovado pelo Edital de Cultura de difusão Artística Popular de Ponta Grossa. Foto: Divulgação

Palestra tratará sobre a importância da escritora Carolina Maria de Jesus no contexto atual de luta do povo negro pela sua inserção na sociedade. O projeto foi organizado pela artista Ligiane Ferreira, que contou ao CulturAção sobre a inspiração para planejar o evento. "Já há algum tempo, eu venho abrindo um campo de estudos, como atriz e pesquisadora, para traçar um paralelo entre as nossas diásporas e a ancestralidade negra e as histórias do meu pai, Wilson, que foi quilombola integrante do Quilombo Sutil, em Ponta Grossa. A partir dessa minha ancestralidade, fiz um caminho ao encontro da obra “Quarto de Despejo”, de Carolina Maria de Jesus, o que resultou no espetáculo de teatro homônimo, idealizado, escrito e interpretado por mim", explicou Ligiane.


A palestra vai incluir histórias sobre o pai da artista e pesquisadora, demonstrando como foram fundamentais para a formação de Ligiane e também para a montagem de seu espetáculo. O pano de fundo é o contexto atual dos quilombos urbanos e como a população negra ainda sofre situações levantadas pela própria escritora Carolina Maria de Jesus, na década de 1950 – como a fome, a desesperança, as utopias e a esperança de uma “favelada” tornar-se escritora.

Ligiane Ferreira no Projeto Antes que o mundo acabe, no Phono Pub. Foto: Jennifer Oliveira

A palestra será feita em 27 de novembro, para refletirmos o Dia da Consciência Negra, 20 de novembro , uma data muito importante para relembrar as ancestralidades, marcadas por muito sofrimento, mas também por resistência e luta, no formato online (por meio da plataforma Meet).


O evento acontecerá 19h e para se inscrever basta enviar um e-mail para ligianeferreira@hotmail.com