• Redação

UEPG terá mais de 2 mil novas vagas de cursos superiores

O cursos foram aprovados pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), na primeira fase da avaliação

Entre os anos de 2023 a 2024, serão ofertadas 2.160 vagas, na modalidade da educação a distância, para áreas voltadas à formação de professores e demais profissionais da educação básica. Foto: Fábio Ansolin

O Núcleo de Tecnologia e Educação Aberta e a Distância da Universidade Estadual de Ponta Grossa (Nutead-UEPG), por meio do convênio da Universidade Aberta do Brasil (UAB), terá novos cursos de graduação e especialização lato sensu. Entre os anos de 2023 a 2024, serão ofertadas 2.160 vagas, na modalidade da educação a distância, para áreas voltadas à formação de professores e demais profissionais da educação básica. O cursos foram aprovados pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), na primeira fase da avaliação.


Os cursos de graduação aprovados no Nutead são de Licenciatura em Português e Espanhol, Matemática, Pedagogia, Computação, Geografia e Educação Física. Nos cursos de especialização, serão ofertadas vagas em Docência na Educação Infantil, Educação Física Escolar, Língua e Ensino Interculturalidade e Alfabetização e Letramento.


“A aprovação da UEPG na oferta de novos cursos de graduação e pós-graduação EaD representa o reconhecimento da Capes no trabalho que é realizado há 20 anos pelo Nutead”, enfatiza o pró-reitor de graduação e coordenador da UAB na Universidade, Carlos Willians Jaques Morais. Para ele, a confiança na qualidade dos cursos, sobretudo na formação de professores para a educação básica, é resultado de um trabalho realizado nos âmbitos pedagógico, tecnológico, administrativo e político. “Muitas pessoas estão envolvidas diretamente com a EaD, tanto na instituição, como nos municípios que atendemos”, relata.


Carlos ainda destaca que a UEPG está em um seleto grupo que conquistou o maior número de vagas entre as instituições públicas do país. “Isso é motivo de orgulho para nós, além de uma grande responsabilidade para melhorarmos cada vez mais o trabalho que realizamos”, conclui.


Os polos de apoio presencial que irão receber os cursos são Astorga, Assaí, Cerro Azul, Céu Azul, Bituruna, Guarapuava, Ipiranga, Reserva, Ibaiti, Dois Vizinhos, Jaguapitã, Palmeira, Pinhão, Curitiba, Jaguariaíva, Rio Branco do Sul, Bandeirantes, São João do Ivaí, Iretama, Cândido de Abreu, Congoinhas, Paranaguá, Sarandi, Lapa, Pontal do Paraná, Ivaiporã, Rio Branco do Sul, Bituruna, Goioerê, São João do Triunfo, Telêmaco Borba, Siqueira Campos, Jacarezinho, Campo Largo, Prudentópolis e Reserva.


Carlos ressalta o papel da Universidade Virtual do Paraná na atuação mediadora junto aos municípios polos e os Núcleos EaD das Universidades Estaduais. “Equalizaram as ofertas de cursos em todos os municípios com polo no Paraná, democratizando o acesso ao ensino superior”, finaliza.


A Capes publicou em Diário Oficial, no dia 7 de fevereiro, o edital nº 9/2022 referente à seleção de 156.120 novas vagas de cursos superiores em EaD, das instituições públicas integrantes do Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB). Desta vez, o edital abrangeu, na segunda fase, as demandas formativas de agentes públicos municipais, estaduais, federais e do desenvolvimento local ou regional. O resultado da avaliação está previsto para os meses de abril e maio.


Da Assessoria