top of page
  • Foto do escritorRedação

UEPG relança campanha contra assédio e discriminações

As ações digitais previstas para hoje incluem banner no site institucional; e-mail para os servidores; publicações de vídeos da campanha em redes sociais e envios por aplicativos de mensagem

UEPG relança campanha contra assédio e discriminações. Foto: Fábio Ansolin


A Universidade Estadual de Ponta Grossa, por meio da Pró-reitoria de Assuntos Estudantis (Prae), relançou na última sexta-feira (21) a campanha “UEPG está de olho”. A iniciativa, criada em junho de 2019, atua contra todas as formas de assédio e discriminações na instituição. O combate à incitação da violência; à apologia ao nazismo; ao racismo e à LGBTfobia são os temas desta edição.


As ações digitais previstas para hoje incluem banner no site institucional; e-mail para os servidores; publicações de vídeos da campanha em redes sociais e envios por aplicativos de mensagem. A campanha também terá abordagens presenciais, com fixação de cartazes, distribuição de adesivos e instalação de faixas nas entradas dos campi. Até o final do ano, a Prae desenvolverá, em diferentes datas, um trabalho de sensibilização dos públicos da instituição, por meio de panfletagens, palestras e rodas de conversa.


As peças publicitárias da campanha destacam os canais de comunicação da Prae: (42) 3220 3237 (whatsapp) e o e-mail praeescuta@uepg.br. Por meio desses canais, a Pró-reitoria recebeu e encaminhou a recente denúncia de racismo que está sob investigação pela Universidade e pelo Ministério Público do Paraná. Na UEPG, as atividades do inquérito disciplinar, instaurado no mês passado, devem seguir por mais 30 dias.


A campanha conta com o apoio do Núcleo Maria da Penha da UEPG (Numape); Núcleo de Relações Étnico-raciais, de Gênero e Sexualidade (Nuregs); Laboratório de Estudos de Gênero, Diversidade, Infância e Subjetividades (Lagedis); e Coordenadoria de Comunicação da UEPG (CCOM).

Foto: Divulgação

Da Assessoria

Comments


bottom of page