• Redação

Tibagi recebe projeto de estímulo à leitura

Iniciativa terá oficinas para estudantes, professores e gestores escolares, rodas de leitura, contação de histórias e doação de livros

A intenção é incentivar a leitura, revitalizar as bibliotecas de escolas públicas e democratizar o conhecimento. Foto: Divulgação


A Prefeitura de Tibagi, através da Secretaria de Educação e Cultura (SEMEC), informa que o projeto cultural gratuito Minha Biblioteca Viva chega ao município a partir da próxima terça-feira (21) e vai até quinta-feira (23). A intenção é incentivar a leitura, revitalizar as bibliotecas de escolas públicas e democratizar o conhecimento.


“Uma equipe de três profissionais – formada por bibliotecária, mediador de leitura e contadora de histórias - visitará o município e permanecerá no local por 3 dias, realizando diferentes ações com os estudantes, professores e coordenadores”, explica o idealizador do projeto, Cristiano Nagel.


De acordo com a coordenadora de cultura, Regiane Martins, na terça-feira (21) haverá uma oficina de literatura infantil às 18h na SEMEC e também uma oficina de mediação e voz literária no mesmo horário no Teatro Tia Inália.


“Já nos dias 22 e 23/06 acontece a oficina de gestão e acervo literário das 08h às 12h e das 13h às 17h na SEMEC. Além disso, em ambos os dias, oficineiros percorrerão as escolas da sede com rodas de conversas com alunos dos quintos anos e contação de história com os alunos do infantil 5”, afirma Regiane.


Também haverá a doação de 100 livros de literatura infantil, 200 ecobags com a logomarca do projeto para que os alunos carreguem as obras emprestadas da biblioteca, criem o hábito e adquiram o prazer da leitura.


Haverá doação de mil livros de literatura infantil [100 por cidade] e 2 mil ecobags (200 por cidade) para que os alunos carreguem as obras emprestadas da biblioteca, criem o hábito e adquiram o prazer da leitura.


O projeto Minha Biblioteca Viva foi aprovado no Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura (Profice) da Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura do Governo do Paraná e tem apoio da Companhia Paranaense de Energia (Copel). Todas as oficinas são gratuitas e os agendamentos devem ser feitos com a Secretaria Municipal de Educação de cada cidade.

A intenção é incentivar a leitura, revitalizar as bibliotecas de escolas públicas e democratizar o conhecimento. Foto: Divulgação

Da Assessoria