• Amanda Stefaniak

Setembro em Dança – Renascendo para a Cultura

O CulturAção acompanhou a abertura que contou com apresentações de diversas escolas de dança da cidade

A escolha do Parque Lago de Olarias leva em conta os aspectos sanitários de proteção e combate à Covid-19. Foto: Amanda Nunes Stefaniak

Nesta última segunda (20) o CulturAção esteve em um evento importante para o segmento cultural de Ponta Grossa. O ‘Setembro em Dança’ apresenta o tema: Dançar e Celebrar, o espetáculo acontece entre os dias 19 e 25 de setembro, e não tem nenhum custo para a comunidade ponta-grossense.


O evento

Segundo o presidente da Fundação Municipal de Cultura (FMC), Alberto Portugal o evento já ocorria desde 2001, mas foi suspenso devido a pandemia. Nesse ano, o Parque de Olarias tem um ambiente preparado para receber a população, com palco, iluminação e medidas de segurança. “Os protocolos sanitários para prevenir a contaminação do público pelo COVID-19 serão bem executados e sempre lembrados durante todo o evento”, afirma Portugal.


Local conta com uma estrutura montada especialmente para o evento, contando com 300 lugares em uma área restrita. Foto: Amanda Nunes Stefaniak

Além de uma estrutura maior e bem planejada no Parque de Olarias, mais de 280 artistas estarão se apresentando, das mais variadas escolas de dança de Ponta Grossa. O evento pretende ampliar a força desse setor cultural, com novos contornos, um novo formato, incluindo oficinas, workshops com profissionais de destaque no cenário nacional, mostra aberta e mostra competitiva com premiação em dinheiro aos vencedores , além do desafio 60 horas de dança. “O público se mostra muito entusiasmado, até porque há muito tempo não aconteciam espetáculos como esse. Que além de fomentar a cultura, também é um instrumento de transformação social e integração de grupos e estúdios de dança”, explica o presidente da FMC.


Apresentações

Alan Oliveira é um dos professores de dança que está inscrito no evento e explicou para o CulturAção sobre a importância de promover o ‘Setembro em Dança’. “Precisamos mostrar o trabalho principalmente àqueles que têm pouco acesso à cultura em Ponta Grossa. Nós que amamos a dança estávamos sentindo falta dos palcos”, conta o professor, que irá apresentar 4 coreografias no evento.


Os alunos de Alan estão ansiosos para demonstrar seus trabalhos para o público em tempo real. “Apesar de não estarmos no palco todo esse tempo, nossa dança não ficou calada, fizemos dois trabalhos online, disponíveis na minha página do YouTube para todos assistirem. Porém, a apresentação ao vivo trás emoções diferentes. Inclusive, alguns alunos estão subindo pela primeira vez em um palco”, diz o coreógrafo.


Para acessar o espetáculo do Studio Alan Oliveira via Youtube, clique aqui.


Pauline, Claudia, Ana Maria e Jeaneth se apresentaram na abertura do evento. Foto: Amanda Nunes Stefaniak

Dançarinos

A estreia em um palco é sinônimo de muita empolgação para alguns dançarinos, é o caso de Jeaneth Nunes Stefaniak, professora do curso de Direito, na Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) e também aluna de dança no Studio Alan Oliveira. “A dança significa diversão para mim. É um prazer imenso poder apresentar o que ensaiamos por meses para o público. Dançar é meu hobbie e estou feliz por fazer parte desse espetáculo, espero que mais pessoas possam se interessar e também incluir a dança em suas vidas. Faz bem para o corpo e para a alma”, relata a dançarina.