• Redação

PG recebe pocket show de Estrela Leminski e Téo Ruiz no sábado (20)

Os músicos sobem ao palco do Auditório da Reitoria da UEPG interpretando músicas de autoria de Paulo Leminski e parceiros

Ponta Grossa PG recebe pocket show de Estrela Leminski e Téo Ruiz no sábado (20). Foto: Divulgação

A genialidade musical de Paulo Leminski não poderia ficar de fora da edição de Ponta Grossa da mostra Múltiplo Leminski. No dia 20 de novembro, às 19h, Estrela Leminski e Téo Ruiz sobem ao palco do Auditório da Reitoria (UEPG Campus Central) com um repertório recheado de canções de autoria de Paulo Leminski e parceiros para o pocket show Leminskanções. O evento tem entrada gratuita e a ocupação dos lugares será por ordem de chegada, até o limite de 150 pessoas ou percentual permitido pelo decreto vigente.

A carreira de Leminski experimentou diversas linguagens artísticas, entre elas a música, onde deixou um grande legado com cerca de 100 canções, todas catalogadas em um livro de partituras. Segundo Estrela Leminski, a carreira de compositor de Paulo foi tão expressiva quanto a de escritor. Suas canções foram gravadas por ícones da música brasileira como Caetano Veloso, Arnaldo Antunes, Gilberto Gil, Ney Matogrosso, Ângela Maria, Itamar Assumpção, Paulinho Boca de Cantor, entre outros. "Meu pai não queria se dedicar a interpretar suas próprias composições, então tem muita gente que atribui canções dele como se fossem parcerias", conta.

Sobre Múltiplo Leminski

Após o sucesso em Curitiba em 2012, no Museu do Olho (MON), o projeto passou a circular pelo Brasil. A primeira parceria foi com a Itaipu Binacional, que abrigou a exposição no Ecomuseu, em Foz do Iguaçu, em 2013. A seguir, Múltiplo Leminski foi contemplada no Programa Petrobras Cultural ao Centro-Oeste, abrindo no Centro Cultural Oscar Niemeyer, de Goiânia. E ao Nordeste, na Torre Malakoff, em Recife. Em 2014, foi a vez de Salvador, pela Caixa Cultural, que também levou a exposição para São Paulo, Fortaleza e Rio de Janeiro, entre 2015 e 2016.

Em 2017, Múltiplo Leminski esteve em Maringá, no Museu de História e Artes Hélenton Borba Côrtes. E em 2019, em Londrina, no Museu Histórico de Londrina. Ambas as cidades receberam o projeto por edital do PROFICE, da Secretaria de Estado da Cultura do Paraná.

Após dois anos, a temporada 2021 foi aberta em agosto no Museu Campos Gerais, em Ponta Grossa. A décima primeira montagem do projeto é realizada com o apoio do Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura (PROFICE) – Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura – Governo do Estado do Paraná, da Copel, da Universidade Estadual de Ponta Grossa, da Associação de Museus dos Campos Gerais, da Secretaria de Turismo de Ponta Grossa.

Paralelamente, a exposição também esteve em Lisboa, Portugal, onde permaneceu de 10 de setembro a 03 de novembro. No exterior, o projeto foi realizado pela Casa da América Latina e Embaixada do Brasil, em Lisboa, e teve apoio da Secil – Companhia Geral de Cal e Cimento, S.A, da Câmara Municipal de Lisboa, da Rádio Antena, da Casa das Ideias Design e Publicidade e da Fundação Cultural de Curitiba e Prefeitura Municipal de Curitiba.

Pocket show Estrela Leminski e Téo Ruiz Data: 20/11 Horário: 19h Local: UEPG Central - Auditório da Reitoria (Praça Santos Andrade) Ingressos: gratuito, até o limite de 150 pessoas.


Da Assessoria