• Redação

Pegaí disponibiliza 6 mil exemplares do ‘Contos do Sol Renascente’

Livro de contos inspirados na cultura japonesa começaram a circular para leitura gratuita nas Estantes Pegaí

Livro de contos inspirados na cultura japonesa começaram a circular para leitura gratuita nas Estantes Pegaí. Foto: Divulgação

Nada melhor que um livro para unir nações tão diferentes, como o Brasil e o Japão. Foi pensando nisso que o Instituto Pegaí Leitura Grátis selecionou o livro ‘Contos do Sol Renascente’ para receber uma tiragem especial de 6 mil exemplares. Fruto do trabalho e inspirações do escritor André Kondo, a obra lançada em 2015 traz contos que se passam em terras japonesas, explorando valores e pensamentos que são atribuídos aos povos nipônicos.


O livro faz parte de uma trilogia desenvolvida por André, formada pelos títulos Contos do Sol – Nascente, Renascente e Poente. Nos dois primeiros, as histórias acontecem no Japão, e no terceiro os contos exploram a vida e situações passadas por imigrantes japoneses que vieram para o Brasil, realidade vivida pelos pais e avós do escritor. André comenta que ao lançar o primeiro título não imaginava uma recepção tão boa por parte dos leitores, sendo inclusive selecionado para projetos de educação do Governo do Estado de São Paulo. Isso o levou a trabalhar no segundo título da trilogia.


“Quando vi que ‘Contos do Sol Renascente’ foi selecionado pelo Instituto Pegaí, fiquei impressionado em como a história dessa obra segue renascendo em lugares tão bonitos, como se fosse mesmo um Sol que segue o seu caminho durante o dia, trazendo esperança e gratidão pela vida”, comenta o autor. O livro recebeu o Prêmio Estímulo à Cultura da Secretaria da Cultura de Jundiaí, sendo distribuído para várias escolas da cidade, e também o Prêmio Humberto de Campos, da União Brasileira de Escritores (UBE).


Lançado pela Telucazu Edições, fundada pelo próprio autor, o livro conta com ilustrações do artista Alessandro Fonseca. Atualmente, a editora figura como uma das principais referências literárias do país, atuando de maneira incisiva na publicação e disseminação de histórias e ilustrações. Nesta parceria de sucesso, também podemos somar o selo Telucazin, desenvolvido especialmente para livros infantis.


Dos 6 mil exemplares, metade será disponibilizada no Projeto Alimentando Mentes, uma iniciativa do Instituto Pegaí na qual livros são adicionados a kits de alimentação doados para famílias em vulnerabilidade social, através de parcerias com escolas, instituições e igrejas. A impressão tem o patrocínio das empresas AGP Marcas e Patentes, Empório da Pizza e Lumen Café + Gastronomia, além das doações de papel do Grupo BO Paper (miolo) e Papirus (capa), e também dos cupons fiscais doados por pessoas físicas para a campanha ‘Transforme seu cupom sem CPF em Leitura’, pelo Programa Nota Paraná.


Uma farta e maravilhosa colheita

‘Contos do Sol Renascente’ é a quarta obra da Telucazu Edições com direitos de impressão cedidos ao Pegaí, em uma parceria que vêm rendendo bons frutos e inspirações. “Só tenho a agradecer a todos do Instituto Pegaí, por proporcionarem uma experiência tão especial tanto para os autores e as autoras como para os leitores e as leitoras e, claro, também para as editoras, porque mais do que fazer livros, o que queremos mesmo é fazer leitores. E que os frutos sejam saborosos para muitas e muitas pessoas, porque para nós tem sido uma farta e maravilhosa colheita,” reforça André Kondo.


Uma história de dar inveja

André Kondo tem uma carreira admirável. Autor de 10 livros, recebeu mais de 300 prêmios literários, entre eles uma Menção Honrosa no Concurso Nacional de Literatura João-de-Barro, pelo livro ‘O Pequeno Samurai’ (o qual também figura como um dos finalistas do Prêmio Jabuti), Prêmio Bunkyo de Literatura e Prêmio Esfera das Letras (Portugal) pelo livro ‘Contos do Sol Nascente’. O autor viajou por mais de 60 países em busca de inspiração para as próprias obras, tendo, inclusive, morado no Japão, local de origem de seus pais.


Da Assessoria