• Redação

Museu exibe documentário sobre ícone do audiovisual paranaense

Tiomkim dedicou 24 anos ao Museu da Imagem e do Som do Paraná e, depois de sua morte, sua coleção de CDs, DVDs, filmes em Super 8 e uma infinidade de materiais foi encaminhada ao museu

MIS-PR recebe acervo pessoal e documentário sobre Tiomkim, ícone do audiovisual paranaense. Foto: Arquivo Pessoal

O Museu da Imagem e do Som do Paraná (MIS) vai expor parte do acervo pessoal de Tiomkim, ícone do audiovisual paranaense, e apresentará um documentário sobre ele. A exibição do filme será na noite da próxima segunda-feira (13).


Como boa parte dos 68 anos de vida de Tiomkim – 24 anos, para ser exato – foram dedicados ao Museu da Imagem e do Som do Paraná, nada mais justo do que seu acervo pessoal e o documentário sobre sua memória tenham ido parar lá. O filme é “Tiomkim – Trilha sonora para uma vida inquieta”, dirigido por seu amigo e colaborador frequente Estevan Silvera.


O documentário não é exatamente um projeto póstumo. Silvera disse que tinha falado com Tiomkim que queria fazer um documentário sobre a vida e obra dele. “Foi há uns dois anos e daí não tive a felicidade de finalizar esse trabalho porque ele veio a falecer”, afirma. Com a morte de Tiomkim, em janeiro de 2021, a questão se tornou urgente. “Eu faço isso como uma homenagem a ele e uma homenagem a todo cinema paranaense, mostro trabalho nossos, que a gente fez juntos, e trabalhos dele”, completa.


A passagem de Tiomkim pelo MIS deixou boas memórias nas pessoas que passaram por lá. “Ele era uma pessoa extraordinária, gostava de ajudar todos, tinha um coração muito bom”, afirma Gefferson Vaz, ainda hoje um dos integrantes do setor administrativo do museu.

“O Tiom, onde ele estivesse, chegava o dia do aniversário da gente ele sempre mandava um salve. Nunca esqueceu uma data que seja. Aprendi muito com ele, um grande amigo que deixou saudades”, relembra.


Acervo

Tiomkim reservou um presente final ao MIS-PR. Sua imensa coleção, que envolve CDs, DVDs, VHS, fitas K7, filmes em película 8 mm, disquetes, minidisquetes, slides fotográficos, livros de literatura nacional e universal, artísticos (principalmente voltados ao cinema), diversas edições de revistas de cinema, culinária, cartazes, quadros, gibis, HQs, discos de vinil em formato long play, estão agora sob a guarda do Museu da Imagem e do Som do Paraná.


Alguns dos itens da coleção, como seus vários livros sobre o mito de James Dean, ficarão disponíveis para exibição pública.


Serviço:

Filme/documentário: “Tiomkim – trilha sonora para uma vida inquieta”

Data: 13 de junho, segunda-feira

Horário: 19 horas

Local: Museu da Imagem e do Som do Paraná (MIS-PR)

Rua: Barão do Rio Branco, 395, Centro – Curitiba

Apresentação: projeto de extensão Guitarras na UNESPAR


Por AEN