top of page
  • Foto do escritorRedação

Museu de Palmeira tem acervo sobre migrantes alemães-russos

O museu se tornou uma das principais atrações turísticas de Palmeira por abrigar um amplo acervo de móveis, objetos e utensílios de migrantes alemães-russos

Museu de Palmeira tem acervo sobre migrantes alemães-russos. Foto: Divulgação


O Museu Sítio Minguinho, situado em Santa Quitéria, região do município de Palmeira, é mantido pelo professor e historiador Arnoldo Monteiro Bach. O museu se tornou uma das principais atrações turísticas de Palmeira por abrigar um amplo acervo de móveis, objetos e utensílios de migrantes alemães-russos.


Além do acervo, o local oferece uma experiência única de imersão histórica, complementada pela casa de arquitetura típica russo-alemã. Os migrantes, que também são conhecidos como alemães do Volga, faziam parte de um grupo étnico alemão, que vivia próximo ao rio Volga, na Rússia.


Museu sobre os alemães-russos

Segundo o Dicionário Histórico dos Campos Gerais, elaborado pelo projeto de extensão do Departamento de História da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), na década de 1870 os alemães do Volga precisaram abandonar o território, devido às represálias de czar Alexandre II. Com isso, Palmeira se tornou o destino de muitos deles na época. O local possui ambientações como réplicas de uma sapataria, uma bodega, uma ferraria que mostram como eram os ofícios destas profissões em extinção. Outro ponto de destaque do atrativo é a casa típica.


Conheça o Museu Sítio Minguinho

Nas paredes do hall de entrada do casarão estão artigos exóticos de etnias de Palmeira e região: Witmarsum (alemães), Capelinhas de Vieiras (portugueses), Sutil (africanos), Colônia Cecília (italianos anarquistas) e Colônia dos Russos.


Muitos objetos decoram o lugar, como ferros a brasa, lampiões, bengalas, rádios, porcelanas, amassadeira de pão e gamela. Um fogão à lenha fabricado em Minas Gerais. Os elementos narram a história rica e diversificada do Paraná e, em particular, de Palmeira. As visitas são guiadas pelo proprietário, Arnoldo Monteiro Bach.


Visitação

Para visitar este tesouro histórico, é simples: basta agendar uma visita guiada através do telefone (42) 99121-1311. Explore a riqueza cultural de Palmeira e descubra as fascinantes histórias por trás do Museu Sítio Minguinho.


Da Assessoria

Comments


bottom of page