top of page
  • Foto do escritorRedação

Museu da Imagem e do Som do Paraná lança exposição “Sinestesia dos Objetos”

Proposta da exposição é estabelecer uma reflexão sobre a imagem e o som a partir desses objetos com a vida

Museu da Imagem e do Som do Paraná lança exposição “Sinestesia dos Objetos”. Foto: Kraw Penas

Já está em cartaz no Museu da Imagem e do Som do Paraná a exposição "Sinestesia dos Objetos", que enaltece experiências e sentidos criados por equipamentos e tecnologias, contemplando os segmentos fotografia, televisão, cinema, rádio e disco. A proposta é estabelecer uma reflexão sobre a imagem e o som a partir desses objetos com as nossas vidas.


Por meio de uma seleção de itens tridimensionais do acervo do MIS-PR, como discos, fitas cassetes, televisores e câmeras fotográficas, a exposição proporciona um diálogo histórico desses equipamentos. A mostra destaca a importância e o impacto das conexões e experiências sensoriais que esses equipamentos produzem e a contribuição simbólica das mídias no dia a dia das pessoas.


Com a tecnologia da fotografia e de outras mídias audiovisuais, por exemplo, as imagens congeladas no tempo revivem emoções, e transportam para diferentes lugares e situações. E por meio do som, o rádio é apresentado como uma forma de mídia sonora que preenche o espaço ao seu redor, seja na disseminação de informações ou na promoção da cultura.


Além de promover o conhecimento ou reconhecimento dos objetos que marcaram gerações, os visitantes terão a oportunidade de entender como essas tecnologias se transformaram ao longo dos séculos XIX e XX, moldando o mundo de hoje.


Sobre o MIS-PR

Criado em fevereiro de 1969, o Museu da Imagem e do Som do Paraná é o segundo mais antigo do gênero no Brasil e tem como principal finalidade preservar, conservar e fomentar a memória audiovisual do Estado.


Com um dos maiores acervos do gênero na América Latina, o museu possui mais de 3 milhões de itens, entre discos de vinil, fotografias, negativos fotográficos de acetato e em suporte de base de vidro, depoimentos, fitas de áudio, fitas cassete, documentos e filmes, além de peças e objetos tridimensionais históricos como TVs, rádios, radiolas, vitrolas, máquinas fotográficas, projetores e outros equipamentos audiovisuais.


Serviço:

Exposição "Sinestesia dos Objetos" Mostra de longa duração

De terça a sexta, das 10h às 19h; sábados e domingos das 10h às 18h

R. Barão do Rio Branco, 395


Por AEN

Comments


bottom of page