• Redação

‘Conforto’ no visual segue como tendência da moda

Coluna Estilo e Moda por Silvana Hass desta semana

O caráter passageiro presente na moda é observado nas coleções que, ganha o universo dos desejos, da cultura, dos discursos de sentido, quando o princípio de sedução reorganiza em profundidade no contexto do cotidiano. Foto: Divulgação

Quando o calor se aproxima, nós pensamos em roupas frescas e práticas. Quando falamos em primavera, vem à mente o colorido das flores, o voo livre das borboletas. Dessa forma, a moda começa com o imaginário e sensações, momento em que o gosto, a vontade de experimentar o novo, se tornam mais fortes o apelo natural.


O ritmo individual, a busca que permita sentir na pele todas as sensações, se realiza a troca de estação, onde já estamos lá, sedentos por novidades e atentos para o novo “hit” da temporada. Mas por que será que nos importamos tanto em nos vestir de acordo com tendências, combinando peças e cores?


A sobrevivência da moda é o consumo. O caráter passageiro presente na moda é observado nas coleções que, ganha o universo dos desejos, da cultura, dos discursos de sentido, quando o princípio de sedução reorganiza em profundidade no contexto do cotidiano.


O objetivo é de apresentar o novo constantemente e não apenas a sobrevivência da indústria e sim a difusão e novidade, paradoxal por natureza onde a realidade contemporânea é a base.

Hoje, mais do que nunca as tendências assumem uma forte importância como já escrevi em outras matérias.


Já estamos na estação da primavera e as novidades já se despontam com a vibração tropical que passam a dominar as araras. Mas entre elas, quais você certamente já observou uma constante nas lojas, segundo as tendências. Saiba que assim como a composição de um desfile segue o conceito da nova coleção, as ‘vitrines’ também respeitam esse padrão e são excelentes aliados para você ficar por dentro das tendências.


Hoje nossa matéria será sobre o jeans e informar os modelos mais atualizados que se apresentam em muitas propostas, uma pluralidade como nunca vi antes. A inspiração e lema é de “liberdade e conforto”.


Com este tema, a calça skinny, não será muito usada neste verão pelo simples fato de ser muito ajustada ao corpo o que não segue a tendência de modelagem mais solta.


Abaixo, modelagens em alta.

Calça Wide: lembra muito a calça pantalona, e tem cintura alta. As wide-leg são largas em todo o comprimento, não só na barra, podem se apresentar com estilo destroyed ou não.


Calça Slouchy: tem uma modelagem bem solta, a cintura média pode apresentar pregas, no entanto, o modelo se afunila do joelho para baixo e costuma ser mais curta, terminando no ossinho do tornozelo.


Calça jeans boot cut: sua modelagem é mais ajusta no quadril até o joelho, na parte da barra, a calça é mais ampla.


Destroyed: este permanece fazendo sucesso em 2022 em diversos modelos.


Calças jeans de cintura baixa: elas voltam, no entanto, nos anos 2000 elas traziam um shape bem colado ao corpo, desta vez, as peças aparecem em recortes mais largos.


Jeans com jeans será uma sucesso quando o assunto é a combinação desse tecido o que antes era desconsiderado. Enfim, tem muito mais tendências no jeans para encher seus olhos de novidades. Para o jeans que vão e vem nas tendências, acredito que não existe, peça mais versátil que a calça jeans mesmo com uma modelagem tradicional.