• Redação

Colégio recebe projeto “Música Para Todos”

Ação aconteceu no Colégio Estadual Senador Correia e faz parte de um projeto aprovado pela Lei Federal de Incentivo à Cultura com a coordenação geral do músico ponta-grossense Ricardo Corrêa

Colégio Estadual Senador Correia recebeu uma apresentação do projeto “Música Para Todos”. Foto: Divulgação

Alunos do Colégio Estadual Senador Correia aprenderam sobre os mais variados instrumentos de percussão com o projeto “Música Para Todos 3º Edição”. A aula, ministrada pelo professor Ricardo Correa, na última quinta-feira, encantou os alunos, que dançaram ao som de ritmos populares entre os brasileiros, como samba, pagode e capoeira. Os estudantes também conheceram mais de perto outros estilos musicais latinos, como mambo e bolero, além de ritmos norte-americanos, como jazz, funk e rock.

O projeto é aprovado pela Lei Federal de Incentivo à Cultura, conta com o patrocínio do Banco Paccar S.A, do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), da Caminhos do Paraná S/A, Costa Teixeira Transportes Ltda. e Beaulieu do Brasil Indústria de Carpetes Ltda, tem a coordenação geral do músico Ricardo Corrêa, coordenação de produção da ABC Projetos Culturais e parceria da Vara da Infância e Juventude de Ponta Grossa.


Ricardo Corrêa defende que apresentações musicais são essenciais para o desenvolvimento infantil. “A gente conseguiu passar a mensagem de que a arte ajuda na educação e na formação de um ser humano melhor, porque esse é o nosso papel como artista, levar arte para o público e fazer com que eles levem a arte para casa, saibam o que estão escutando e o que a música está dizendo”.


Desde 2016, o projeto “Música para Todos” leva o conhecimento da arte da música instrumental para crianças e adolescentes. A Vara da Infância e Juventude faz a seleção do público atendido pelo projeto, considerando critérios principalmente ligados à vulnerabilidade social. Criatividade, percussão corporal e coordenação motora são trabalhados durante as aulas semanais.


A professora Jaquelis Lustosa relata que, com a apresentação, os alunos puderam explorar a junção de música e dança. “Como viemos de muito tempo de pandemia, com os alunos isolados, apresentações como esta estimulam a parte de coordenação das crianças, para desenvolver todas as habilidades físicas deles, além de que o interesse delas por atividades corporais como a dança aumenta”, conta.


Para a Diretora do colégio, Alciléia Jaqueline Félix da Silva, projetos como o “Música Para Todos” oportunizam uma variedade cultural para os alunos. “Para nós trazer projetos neste formato após tanto tempo de pandemia é muito gratificante, ver os alunos animados e gostando da atividade é ótimo, porque podemos apresentar para eles manifestações culturais que muitos não têm acesso”, diz.


A ação faz parte da contrapartida social e ampliação de democratização de acesso do projeto “Música Para Todos 3° Edição”, beneficiando também outros adolescentes que não participam do projeto.


Da Assessoria