• Redação

Aluna de Castro recebe prêmio pelo concurso MPT na Escola

Entrega do prêmio foi realizada na Escola Municipal de Vila Rosário

Aluna de Castro recebe prêmio pelo concurso MPT na Escola. Foto: Divulgação

A aluna Iasminy de Moraes Gomes, do quarto ano do ensino fundamental da Escola Municipal Dalila Ayres, recebeu nesta quinta-feira (25), prêmio do concurso “MPT na Escola” com o tema Trabalho Infantil. Ela concorreu na categoria poesia com o trabalho intitulado “Afinal, cadê você”. Iasminy recebeu troféu e medalha e a escola receberá R$ 15 mil que serão utilizados conforme orientação do MPT. A entrega do prêmio foi realizada na Escola Municipal de Vila Rosário.


Projeto

O “Programa MPT na Escola” do Ministério Público do Trabalho, é destinado para as escolas de todo o Brasil, intitulado ‘Projeto Resgate a Infância – Eixo Educação: A Escola no Combate ao Trabalho Infantil”.


Trata-se de um conjunto de ações voltadas à promoção de debates nas escolas de ensino fundamental, com alunos, professores e pais, de temas relativos aos direitos da criança e do adolescente, especialmente a erradicação do trabalho infantil e a proteção ao trabalhador adolescente.


Erradicar a exploração do trabalho da criança e proteger o trabalho do adolescente é um dos objetivos do MPT que para melhor desempenhar essa tarefa, criou a Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho da Criança e do Adolescente (Coordinfância) e elegeu como uma de suas estratégias fazer parcerias com entidades públicas e privadas que têm o mesmo fim.


Em Castro, participaram as escolas de período integral Jardim Bela Vista, Dr. Jahyr Lopes, Professor José Antonio F. Telles e Professora Dalila Ayres. No total foram 22 professores, 435 alunos, de nove turmas de 4º ano e 11 turmas de 5º ano, do Ensino Fundamental I. Foram trabalhados em sala de aula temas relativos aos direitos da criança e do adolescente, especialmente a erradicação do trabalho infantil e a proteção ao trabalhador adolescente.


A secretária municipal de educação, Rejane de Paula Nocera, destacou a participação das escolas e alunos. “Foi um desafio para professores e alunos neste projeto maravilhoso que faz a diferença na vida das pessoas e que com certeza traz bons resultados”, disse.


“O concurso abordou um tema importante para toda a sociedade. Debater os direitos da criança e do adolescente, e o trabalho infantil, é fundamental para a conscientização e participação de todos na proteção deles. Parabéns ao MPT, diretores, pais, professores e alunos”, destacou o prefeito Moacyr Fadel Junior.


Fonte: Assessoria