top of page
  • Redação

6º Educadança reúne 370 bailarinos na UEPG

Cerca de 800 pessoas prestigiaram o evento nas duas noites no Grande Auditório da UEPG Centro

6º Educadança reúne 370 bailarinos na UEPG. Foto: Maurício Bollete


Plateia cheia para a sexta edição do Educadança. O evento organizado pelo projeto de extensão Dança na UEPG, do curso de Educação Física da Universidade Estadual de Ponta Grossa, trouxe dois espetáculos nos dias 10 e 11 de dezembro, com a participação de 370 bailarinos, além de uma novidade lançada nessa edição: oficinas de formação para dança.


Cerca de 800 pessoas prestigiaram o evento nas duas noites no Grande Auditório da UEPG Centro. Como conta a professora Silvia Regina Ribeiro, coordenadora do projeto, o evento foi um sucesso. “O 6º Educadança superou nossas expectativas, com participação efetiva dos acadêmicos durante a produção artística, o número de pessoas que prestigiaram o espetáculo e contribuíram com um número significativo de doações durante os dois dias do evento”, comemora. Foram arrecadados 300 kg de alimentos, que serão distribuídos nas instituições Casa Samways e Guarda Mirim; 150 produtos de limpeza para a Associação Ponta-grossense de Assistência à Criança com Deficiência (APAD); e 258 produtos de higiene pessoal para o Lar das Vovozinhas.


A novidade desta edição foi a oferta de oficinas de dança. Foram cinco gêneros: Danças Urbanas, Kpop, Dança Contemporânea, Acrobacias de solo e Ballet Adulto Iniciante. “A oferta de oficinas de diferentes gêneros de dança lançada nesta edição também foi de grande valia, com a participação de 48 pessoas, entre acadêmicos e diferentes públicos do município”, conta a professora.


Nas noites, o Grande Auditório da UEPG voltou a receber cultura e dança. Entre acadêmicos da UEPG, academias e escolas de dança de Ponta Grossa e dos Campos Gerais, 370 bailarinos passaram pelo palco. Duas coreografias e dois bailarinos foram premiados: a melhor coreografia pelo júri técnico ficou com a Turma 2 UNB, “Nossa Dança além do Tom”; pelo júri popular, a melhor coreografia foi “Dezembro Vermelho: o grito da libertação”, da Turma 2 UNA; a Bailarina Destaque foi Fernanda Emanuelly Jurchaks; e o Bailarino Destaque, Jean Hornes.


Fernanda ama a dança. Por isso, ser escolhida dentre tantos bailarinos como o destaque desta edição do Educadança, para ela, foi uma realização. “Minha premiação veio como uma surpresa, como bailarina sempre quis ganhar esse prêmio e sei que é algo muito gratificante, é mais que um simples troféu”, comemora. “O reconhecimento e admiração pela minha trajetória profissional me fazem crescer cada vez mais”.


Dançarina desde os 9 anos, Fernanda começou com o ballet e, depois, conheceu o jazz, gênero pelo qual se encantou e com o qual segue até hoje. “Foi com ele que segui minha trajetória na dança, espetáculos e competições sempre estiveram em minha rotina”, conta. Ela também fez parte da coreografia “Nossa Dança além do Tom”, vencedora do Júri Popular dessa edição do festival. “Como o Educadança é levar a vivência da dança aos acadêmicos e comunidade, quis proporcionar à minha turma um pouco do que vivo, dividindo a mesma energia e emoção ao subir ao palco pela primeira vez e, através disso, ganhamos o prêmio de júri popular, com esse sentimento que contagiou a todos”.

6º Educadança reúne 370 bailarinos na UEPG. Foto: Maurício Bollete


Da Assessoria

bottom of page