• Redação

Ícone do punk rock em PG, banda Bolores lança novo álbum

Trabalho reflete amadurecimento do grupo e traz influências de ska e hardcore

Ícone do punk rock em PG, banda Bolores lança novo álbum. Foto: Felipe Hoffmann

Veterana na cena do punk rock de Ponta Grossa, a banda Bolores acaba de lançar um novo álbum, Tamo Tudo Fudido. O disco, recém-saído do forno, conta com dez músicas autorais que podem ser ouvidas no YouTube (veja abaixo) ou em plataformas como Spotify a partir desta terça-feira (14).


Entre as composições, estão “Eu Quero Beber”, “Desligue a Televisão”, “Queria Ter Sido um Ramone” e “Tamo Tudo Fudido” – esta última o single do novo trabalho, que terá videoclipe lançado em janeiro.


“Nesse novo álbum, experimentamos ritmos como o ska e o hardcore, mas não fugindo do punk rock, com letras atuais e polêmicas, que é a principal característica da banda”, explica o vocalista Cristiano Kachak.


Lançado pela gravadora Fluência Rec e gravado no Ledo Studio, o disco começou a ser produzido em setembro de 2019 e faz referência ao período pré e pós-pandemia. “[O álbum] retrata bem a nossa realidade política e social. Até chegamos a torcer pela extinção da raça humana”, brinca o músico.


Tamo Tudo Fudido é o quarto trabalho da banda, que já lançou dois EPS (espécie de “mini-álbum” com quatro músicas geralmente), Essa Vida é uma Bosta e Foda-se Tudo, e um álbum, É uma Bosta, mas É de Coração.


Kachak observa que o novo disco retrata um momento de amadurecimento do grupo. “Nesses 20 anos de carreira, percebo o amadurecimento da banda tanto profissionalmente quanto musicalmente, preocupando-se mais com a sonorização das canções”, avalia.

A banda

Inspirada em bandas punks nacionais dos anos 80, o Bolores foi formado em 2001 e atualmente é composto pelo vocalista Cristiano Kachak, pelo guitarrista Kairo Frank, pelo baixista Rafael Ronchi e pelo baterista Moisés Oliveira.


Os músicos são conhecidos pelas composições regadas a senso de humor e letras sarcásticas embaladas em canções autorais que abordam temas ligados ao dia a dia dos brasileiros.


“Já temos mais de 40 músicas autorais, entre gravadas e não gravadas, e somos bastante conhecidos principalmente no Paraná e São Paulo. Também já somos conhecidos por já termos abertos shows de bandas conceituadas no país”, destaca Moisés.


Para saber mais sobre a banda, siga o quarteto no Instagram e no Facebook.


Por NCG